top of page

Curso Promotoras Legais Populares tem início com aula de oratória


As aulas do 20º curso Promotoras Legais Populares “Turma Marielle Franco” tiveram início na sexta-feira, dia 28 de junho, com a palestra sobre “A Importância da Oratória Profissional”, ministrada pela atriz, professora e dramaturga Nanaia de Simas. 


As alunas tiveram a oportunidade de aprender e praticar técnicas para controlar a ansiedade e perder a timidez e a insegurança ao falar em público. Elas também aprenderam como entonar a voz, acertar a postura e articular o discurso para transmitir autoridade e conhecimento nas interações do dia a dia.


Este foi o primeiro momento de intensa troca entre as alunas desta turma. Ao final da atividade, todas puderam compartilhar os motivos que a moveram a realizar o curso e quais objetivos querem alcançar ao se tornarem Promotoras Legais Populares (PLPs).



20 anos formando mulheres


O curso de PLPs é realizado pelo Instituto Plena Cidadania - PLENU e tem como meta formar mulheres para orientar e aconselhar os membros da comunidade na qual estão inseridas sobre direitos diversos e questões legais, com especial atenção às mulheres, crianças e adolescentes vítimas de discriminações e de todo tipo violência.


Neste ano, as atividades acontecem no Núcleo de Extensão - Educação, Tecnologia e Cultura (ETC), da Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, localizado na rua Cinto de Biaggi, 130, Santa Rosália.


Próximos encontros


As palestras do curso de PLPs acontecem toda sexta-feira, a partir das 19h, no ETC - UFSCar. Os encontros irão até o final de dezembro e neles serão trabalhados os seguintes temas:


  • Reforma trabalhista, direito da mulher trabalhadora e economia solidária;

  • Políticas Públicas e rede de atendimento a mulheres;

  • Moradia - Direito à cidade;

  • Meio Ambiente;

  • LGBTQIA+ e diversidade sexual;

  • Noções Básicas de Direitos e Direitos Humanos;

  • Comunicação e mídia;

  • Políticas públicas de saúde mental e saúde mental das mulheres;

  • Participação política da mulher e história do voto da mulher no Brasil;

  • Assistência social: SUAS, CRAS e CREAS e políticas para Idosos e Pessoas com Deficiência;

  • Igualdade Racial;

  • Vídeo e debate sobre os papéis da mulher;

  • Conselhos de direito e cidadania.


Nas palestras semanais serão compartilhadas experiências de vida e realizadas análises de conjuntura sobre os direitos e realidades vivenciadas em nossa região e no país. As alunas também receberão informações sobre a rede de atenção à mulher, informações jurídicas sobre o que fazer em caso de violência física, psicológica, maus tratos e todos os tipos de abusos contra mulheres, crianças e adolescentes, informações sobre contatos e endereços de instituições públicas e privadas, informações sobre prevenção da violência, na escuta, na divulgação de informações e no acesso aos direitos.





90 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page